Sexta-feira, 23 de Fevereiro de 2018
menu
17 de agosto de 2017

Lopito Feijó no Instituto Camões

Imprescindível Doutrina Contra” é uma obra poética com cerca de uma centena de páginas editada pela luso-caboverdiana Rosa de Porcelana Editora e com distribuição prevista para os outros espaços falantes de língua portuguesa em África e no mundo. Em jeito de prefácio, o livro conta com um inédito de José Creveirinha - gentilmente cedido pelos herdeiros do Prémio Camões moçambicano - e está estruturado em três partes a que o autor metaforicamente denomina “instâncias”. Conta ainda com o posfácio  

Da Contundência de uma Doutrina” assinado por Helder Simbad, jovem escritor e crítico literário integrante do Centro de Estudos Literários Literágris, com sede em Luanda. Segundo Hélder Simbad no posfácio da obra, os leitores do poeta, nas páginas de “Imprescindível Doutrina Contra” vão encontrar “um Lopito mais jovem, porque actual, actualizado e actuante. Mais preocupado com os últimos (sub)desenvolvimentos e principais fenómenos sociopolíticos ocorridos em África e principalmente em Angola.

 

Notícias

15 de fevereiro de 2018
Parlamento e órgãos de imprensa devem manter diálogo aberto

Luanda - O presidente da Assembleia Nacional, Fernando da Piedade Dias dos Santos, instou nesta quinta-feira, em Luanda, os órgãos de comunicação social e o parlamento a manterem um diálogo aberto e permanente e uma cooperação institucional fundamentada na lei, para se ultrapassar eventuais equívocos.


15 de fevereiro de 2018
Sector mineiro quer aumentar peso no OGE

Luanda - O Executivo tem trabalhado na prospecção e exploração de diversos recursos minerais para que o sector das minas tenha maior peso no Orçamento Geral do Estado (OGE), afirmou nesta quinta-feira o ministro dos Recursos Minerais e Petróleos, Diamantino Azevedo.


15 de fevereiro de 2018
Grupos convidados brilharam na catedral do Carnaval do país

Os grupos não trouxeram uma grande falange porque o Ministério da Cultura só permitiu a vinda de 80 elementos. 


30 de janeiro de 2018
Huambo cada vez mais acolhedora

A cidade do Huambo  tem uma outra imagem que a torna mais bonita,  acolhedora e num orgulho para os seus habitantes. A maior urbe da região  é também conhecida como a capital do Planalto Central, com uma  população trabalhadora, alegre e hospitaleira.


AngolaConsuladoServiçosComunicadosAudiências
Audiências
x
*
*
*
*
*