Terça-feira, 23 de Outubro de 2018
menu
21 de maio de 2018

Selecção de futebol em Sub-20 afastada das competições pelo Malawi

Ontem, no Estádio Municipal dos Coqueiros, em Luanda, a Selecção, orientada por José Silvestre “Pelé”, não conseguiu, no desafio referente à segunda mão da segunda e penúltima eliminatória de qualificação, manter a vantagem. No encontro da primeira mão, os Palanquinhas venceram as Chamas, designação oficial da selecção do Malawi, por 2-1, no Estádio Nacional de Bingu, na cidade de Lilongwe. A partida foi repartida em duas partes distintas com domínio da selecção do Malawi que praticou um futebol directo e sem artimanhas dos seus jogadores. Angola, por sua vez, fez um desafio incaracterístico e sem o fulgor esperado dos seus jogadores.

Na etapa complementar o combinado angolano melhorou substancialmente a qualidade de jogo com as entradas de Chabalala e Julinho. Ambos acrescentaram pouco ou quase nada à equipa.   No primeiro minuto de jogo, na sequência de um cruzamento Vanilson cabeceou, mas a bola embateu no travessão quando o guarda-redes Charle Thom, do Malawi, já se encontrava batido. Depois do referido lance, o público presente no Estádio Municipal dos Coqueiros acreditava num triunfo folgado dos seus compatriotas. Infelizmente os jovens  comprometeram. O golo do Malawi surgiu aos sete minutos depois de um brinde do guarda-redes Beny, que deixou escapar a bola na sequência de um cruzamento e Chikondi Mbeta aproveitou para marcar.

 Aos 17 minutos, Auspicious Kadzongola aproveitou uma desatenção dos centrais angolanos para dilatar o marcador. Com o nervosismo a tomar conta do combinado nacional, Danilson rasteirou um adversário na área. Na cobrança do penaltie Chinkondi Mbeta ampliou o “score”, para três bolas a zero. Antes do intervalo, Peter Banda beneficiou de uma falha de marcação do central angolano para marcar o quarto golo.O médio ofensivo Vanilson no início da etapa complementar apontou o tento de honra da Selecção Nacional.

Há três anos, para a 20.ª edição do CAN'2017 disputada na Zâmbia, os sub-20 falharam  o apuramento na última eliminatória ao ser afastada, pelo Egipto. No cômputo geral o resultado foi de 0-5, Sami Matias, era o seleccionador na altura. No desafio da primeira mão perdeu, por 0-1, no Estádio Internacional do Cairo, ao passo que no encontro de resposta foi goleada por 0-4, no Estádio 22 de Junho, em Luanda. Os Palanquinhas, que já estiveram em duas fases finais do CAN, disputaram pela última vez em 2005, na cidade de Cotonou, Benin. O próximo compromisso da equipa é a disputa do torneio da Taça Cosafa, em Dezembro.




 

Notícias

22 de agosto de 2018
Fórum económico entusiasma alemãs

Empresários alemães estão entusiasmados em participar no fórum  económico, a ser aberto hoje pelo Presidente João Lourenço, afirmou  ontem, em Berlim, o ministro das Relações Exteriores.


22 de agosto de 2018
Países podem já recorrer ao banco do BRICS

O Novo Banco de Desenvolvimento (NBD), instituição financeira criada  pelo BRICS (Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul), está agora  disponível para financiar países não membros, assumindo-se como uma  fonte de financiamento de projectos público-privados.


22 de agosto de 2018
Xadrez: Angolanos representam África no mundial da Turquia

Os mestres internacionais David Silva e Esperança Caxita vão representar o continente africano no campeonato do mundo de xadrez na categoria de juniores a disputar na Turquia de 3 a 16 de Setembro do corrente ano.


25 de julho de 2018
José Patrício inicia funções na Turquia

Ankara - O diplomata José Gonçalves Martins Patrício iniciou nesta terça-feira (dia 24) as funções de embaixador extraordinário e plenipotenciário de Angola na República da Turquia, com a entrega das cartas credenciais ao Presidente turco, Recep Tayyip Erdogan.


AngolaConsuladoServiçosComunicadosAudiências
Audiências
x
*
*
*
*
*